sábado, 29 de janeiro de 2011

ENXERGAR COM A ALMA



Plantar é ver
com os olhos
do coração

Só permanece
o cultivo
o olhar
o afagar

Coisas miúdas
não se apagam

Venha ver
a estrela
ao longe-longe
o vento aqui
da serra
as flores que
descansam os olhos

Oh vida como seria fácil...
beija-me antes que
tudo se apague

Este suspiro
bate-me a porta
essa forma frágil
de estar no mundo

Então esse cantinho
meu me aquece
cheio de verdade
e eu digo Amém
festejando a vida


Autor: Roberto de Araújo

1 Comentários:

Blogger Elenir * Chuca disse...

MUITO LINDO!!!BEIJOS...MEU BLOG...http://musicalbrega.blogspot.com/

16 de fevereiro de 2011 16:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial