sexta-feira, 22 de abril de 2011

INFÂNCIA BRASIL



Sete de setembro
de uniforme escolar
no país verde-amarelo.

Amarelo-ouro de pátria
amarelo em bigodes
lambuzados de
manga rosa.

Balanço de mangueira
e namoro em telepatia.

Cheiro de carambola
perfumando sensações.
jabuticaba, milho verde,
ameixa, pêssego do Japão.
O furto tinha sabor
de liberdade.

O "Chico Pedro" ensopava
em aventuras nas cachoeiras.

De tardinha
a voz de Júlio Lousada
na Rádio Tupi.
E a Ave Maria solene
no alto-falante da Igreja matriz.

Era tudo oração.


Autor: Roberto de Araújo

2 Comentários:

Blogger edmardermato disse...

Parabéns...está ótimo!

24 de abril de 2011 11:53  
Blogger Julia Mainardes Lopes disse...

Seu poema é uma conspiração dos sentidos, simplesmente poético!

25 de abril de 2011 18:08  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial